Petrobras vende campos terrestres na Bacia Potiguar por US$ 7,2 milhões

Petrobras informou que assinou nesta segunda-feira (30) contrato para vender a totalidade de sua participação em dois campos terrestres na Bacia Potiguar, localizada no Rio Grande do Norte, para a Central Resources do Brasil Produção de Petróleo, por US$ 7,2 milhões.

O valor deve ser pago integralmente no fechamento da transação, sem considerar os ajustes devidos.

Os dois campos vendidos, Ponta do Mel e Redonda, registraram uma produção de 540 barris por dia (bbl/dia) no primeiro semestre de 2019.

“A transação está alinhada à otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à geração de valor para os nossos acionistas”, diz trecho do comunicado.

A Central Resources do Brasil Produção de Petróleo é uma operadora de óleo e gás, vinculada ao Grupo Central Resources, com foco no redesenvolvimento de campos maduros terrestres. Atualmente desempenha atividades de operação petrolífera no Rio Grande do Norte e no Espírito Santo.

Segundo a Petrobras, o fechamento da transação está sujeito ao cumprimento de condições precedentes, tais como a aprovação pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Bacia do Recôncavo

Mais cedo, a estatal anunciou o início da etapa de divulgação da oportunidade (“teaser”) de venda da totalidade de sua participação em oito blocos exploratórios em terra localizados na Bacia do Recôncavo, na Bahia.

Segundo a companhia, os blocos estão localizados em área com infraestrutura instalada e sistema petrolífero comprovado, próximos de campos em produção. A Petrobras detém a totalidade de participação nas concessões e divulgou que as ofertas deverão ser realizadas por bloco.